água

(com Leonardo Crescenti e Rejane Cantoni) - 2010

2010 - água
2012 - Glow Festival
2013 - Virada Cultural São Paulo
2014 - Lexus Hybrid Art

água é uma interface tátil-visual: um espelho de observação flexível, de grande dimensão, desenhado para sofrer deformações em função do peso e da posição dos visitantes.

A função desse grande espelho é refletir a luz que incide sobre ele e projetar sombras dos interatores na arquitetura, em constante alteração com a movimentação das pessoas.

1. permite aos usuários deformar a superfície lisa das chapas espelhadas em função de sua posição relativa e peso;

2. possibilita ampliar alterações na trajetória angular da luz que incide sobre a superfície espelhada;

3. serve para simular, nos interatores, sensações equivalentes a caminhar sobre superfícies liquidas (e.g, afundar o pé em poças ou águas rasas).

Vários usuários podem caminhar simultaneamente sobre a obra e essa ação dispersa e concentra os raios de luz que incidem sobre a superfície espelhada.

Pisando sobre a obra, portanto, usuários alteram as qualidades do espelho liquido— conhecem a sua profundidade e as dimensões espaciais da instalação, alteram o reflexo da imagem projetada e interagem uns com os outros.

water is a tactile-visual interface: a very large flexible observation mirror, designed to undergo distortions in function of the weight and position of the visitor.

The function of this large mirror is to reflect the light that falls onto it and to project the resulting shadows of the interactors, constantly changing as they move, on the installation.

1. allows the user to distort the smooth surface of the mirrored plaques in function of his relative weight and position;

2. makes it possible to enlarge alterations in the angular path of the light as it falls on the mirrored surface;

3. serves to simulate, in the interactors, sensations that are similar to walking on liquid surfaces (i.e., feet sinking into a puddle or shallow water).

Numerous users can simultaneously walk on this installation and this action concentrates and disperses the rays of light that fall on the mirrored surface.

Thus, when stepping on the installation, the users alter the qualities of the liquid mirror—know the installation´s depth and spatial dimensions and alter the reflection of the projected image while interacting with one another.